Segunda, 29 de Novembro de 2021
Bahia Economia

Fecomércio estima que vendas natalinas na Bahia devem ser as maiores em dez anos

Expectativa é de crescimento de 5% em relação a 2020

25/11/2021 às 14h08
Por: Redação Fonte: Yuri Abreu
Compartilhe:
Reprodução/Fecomércio
Reprodução/Fecomércio

O comércio varejista da Bahia deve faturar R$ 12,1 bilhões em dezembro, mês do Natal e período mais importante para o setor no ano. A perspectiva foi divulgada pela Fecomércio-BA, nesta quinta-feira (25).

Além disso, a alta anual de 5% levará o varejo do estado ao melhor resultado desde 2011, quando foi iniciada a série do levantamento pela entidade, com base nos dados do IBGE.

Já quando comparado com o período pré-pandemia, dezembro de 2019, a alta projetada é um pouco menor, de 1,3%. Porém, de acordo com Guilherme Dietze, consultor econômico da Fecomércio-BA,  os dados não são restritos as vendas do evento em si, mas do período em que envolve o Natal.

Pela estimativa da Federação, o setor que deve ter o maior crescimento no mês é o de vestuário, tecidos e calçados, de 16,8%. Tradicionalmente, é o segmento em que há a maior procura para compras de presentes, segundo sondagens históricas para esta época.

Sempre em destaque para as compras de Natal estão os eletrodomésticos e eletrônicos. O segmento deve registrar leve alta de 2,3% na comparação anual, com o segundo maior faturamento do mês, de R$ 2,3 milhões.

Outro setor, o de supermercados  também segue na linha positiva e a projeção é que haja um crescimento anual de 5,3%, ante uma base forte que foi dezembro de 2021.

Outro segmento que aumenta a demanda no final do ano para dar presentes ou lembrancinhas é o de farmácias e perfumarias. Em dezembro, a expectativa é que haja uma alta anual de 4,3%.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias