Segunda, 16 de Maio de 2022
Polícia Serviços

Secretaria de Segurança Pública cria site para alertar contra Fake News

"Bahia contra o Fake" foi criado com objetivo de esclarecer corretamente a população, assim como receber denúncias

13/05/2022 às 15h38
Por: Redação Fonte: Muita Informação
Compartilhe:
Divulgação/SSP-BA
Divulgação/SSP-BA

Com o intuíto de informar a população, assim como receber denúncias sobre Fake News, a Secretaria de Segurança Pública criou o site "Bahia contra o Fake", que pode ser acesso pelo: https://bahiacontraofake.com.br/

Além disso, a Polícia Militar reforçou em alerta que são falsas as mensagens de texto que circulam em aplicativos, como o WhatsApp com supostos alertas e orientações passadas pela corporação.

Um dos conteúdos compartilhados lista uma série do que os autores da fake news chamam de "medidas cautelares" contra situações de risco. Entre as atitudes citadas na mensagem falsa estão "Evite sair de casa após dez da noite" e "Quem tiver condições de comprar um carro blindado, compre!".

Na última terça-feira (10), o comandante-geral da corporação, coronel Paulo Coutinho, reforçou que a PM não se pronuncia de forma "irresponsável que confunde a população".

"Nós estamos sendo muito vítimas dessa questão, na qual estão aparecendo notícias que são fantasiosas com relação a questão da segurança pública e que são alarmistas e coloca parte da população em pavorosa, a ponto de eu ter que mandar fazer uma nota da Polícia Militar, dizendo que a PM não se pronuncia através dessa forma. Nós temos um protocolo próprio através do Departamento de Comunicação Social e que não emitimos notas dessa natureza", disse, durante entrevista ao programa '11 em Ponto', comandado pelo vereador Geraldo Júnior. 

O caso acontece após três PMs serem assassinados na capital baiana no último fim de semana. De acordo com o comandante, uma operação foi montada de maneira estratégica para capturar os responsáveis. Nesta sexta-feira (13), três suspeitos de envolvimento na morte do soldado Alexandre José Ferreira Menezes Silva, que era lotado na 3ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Cajazeiras), morreram em confronto com a polícia.

A Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA) informou que tem reforçado as ações policiais em toda a Bahia, "justamente para garantir a rotina e o direito de ir e vir dos baianos''. Para informações oficiais, o órgão pede a população que procure canais de comunicação da SSP e das polícias Militar, Civil e Técnica. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias