Terça, 24 de Novembro de 2020 11:36
71 99402-8189
Anúncio
Cidades Mata de São João

Lagoa Aruá terá prova experimental de Aquathlon no domingo

A federação promoveu um controle dos atletas, organizadores e comissão técnica, a partir de 14 dias antes do evento

21/11/2020 11h54
33
Por: Redação Fonte: Ascom PMMSJ
Reprodução
Reprodução

A Lagoa Aruá, próxima à Praia do Forte, será sede de uma prova de aquathlon neste domingo (22), a partir das 8h. A competição Aquathlon Aruá, que conta com o apoio da Prefeitura de Mata de São João, servirá de teste para futuras provas da Federação Baiana de Triathlon (Febatri), dentro dos protocolos de segurança sanitária de prevenção do covid-19.

De acordo com o presidente da Febatri, Cleber Castro, a entidade fez um protocolo junto à União Internacional do Triathlon (ITU). "Foi um trabalho feito a quatro mãos e a Bahia foi quem lançou esse primeiro protocolo de triathlon, que serviu de referência para outros estados", explica Castro.

De acordo com o presidente da Febatri, o evento de domingo será para no máximo entre 80 e 100 atletas, que, segundo ele, é um número bem reduzido para testar o protocolo. A prova de aquathlon é formada por disputas de natação e corrida. No caso do evento deste domingo, os atletas primeiro vão correr 2,5 quilômetros, em seguida nadarão 1 quilômetro na Lagoa Aruá e, por fim, correrão mais 2,5 quilômetros.

Protocolo - O Aquathlon Aruá vai apresentar algumas mudanças em relação às provas de antes da pandemia do coronavírus. Ao invés de todos os competidores começarem juntos, a largada será em ondas de quatro em quatro atletas a cada 10 segundos.

“Todos terão de usar máscaras até cinco minutos antes do início da prova e logo depois que completarem o percurso. Haverá também um distanciamento social e ninguém poderá chegar junto. Além disso, não haverá a presença de público, como era de costume”, detalha Cleber Castro.

A federação promoveu um controle dos atletas, organizadores e comissão técnica, a partir de 14 dias antes do evento. Os participantes não podem ter histórico de viagem para lugar com foco da Covid-19, por exemplo.

Não poderá participar também quem teve contato com alguém que apresentou algum sintoma. “Só quem estiver realmente dentro dos conformes, vai poder fazer a prova. Por isso também escolhemos o lugar mais isolado", garante Castro.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias